Sábado, 28 de Fevereiro de 2009

Belém dos pastéis e da homenagem à epopeia dos Descobrimentos


Como é bom estar bem acordada para poder apreciar toda a viagem pela linha de cascais até Belém: perder o olhar na acalmia do mar e na forma como vida de todos os espaços envolventes e das pessoas está tão ligada a ele.

Essa ligação continua a existir em Belém, com o mar ali tão perto, de onde partimos para o Mundo.

E que ver em Belém? Muita, muita coisa!


Padrão dos Descobrimentos


lnicialmente concebido para a exposição do Estado Novo "Exposição do Mundo Português", oferece mesmo no topo, no miradouro, a melhor vista sobre a cidade naquela zona, a 50 metros de altura - dá-nos uma outra perspectiva sobre a rosa-dos-ventos lá em baixo e sobre todo o espaço envolvente. A não perder!

Num anfiteatro é mostrada a peça audiovisual "Lisbon experience". Considero que este vídeo está mais dirigido para as várias pessoas que nos visitam dos mais diversos continentes, a mensagem subliminar é mesmo vender o nosso país turisticamente. Contudo, mesmo para os portugueses o vídeo é bastante interessante pois reaviva a nossa memória quanto a aspectos fundamentais da história de Portugal, e em particular de Lisboa.

Habitualmente estão ainda disponíveis duas exposições no Padrão dos Descobrimentos. Uma delas referente à construção do emblemático monumento, esta não estava exposta mas será novamente montada, e uma outra com a temática da expansão portuguesa com maior incidência nos navegadores.



Torre de Belém

Imponente edifício, cartão postal da cidade e peça de arquitectura inigualável!

Construída num ponto estratégico para a defesa da cidade, como o transmite a sala dos canhões, repleta destes elementos.

Para o piso subterrâneo, bastante baixo, eram enviados prisioneiros, na sua maioria acusados de traição ao reino e de colaborar com os espanhóis. Naquele piso havia ainda um compartimento destinado a armazenar a pólvora.

Os vários pisos contam a sua história, por lá passaram governadores, gerações, como relatam os brasões. Nos vários pisos, há também belas paisagens para desfrutar.

Museu Colecção Berardo

No CCB com obras de Andy Warhol, Paula Rego, Francis Bacon, entre muitos outros, sendo que algumas obras são rotativas. Sem dúvida exposições a não perder e que ainda por cima são de visita gratuita.

Concordo com a frase de Raúl Perez, actualmente com uma grande exposição de cariz surrealista neste Museu, em que este diz que a arte não é mais do que o prolongamento dos sonhos.

E que melhor forma de libertação do quotidiano que a arte?

 

Pastéis tradicionais de Belém

Sim, são quase um monumento! Num único som: nhami!

 

Outros pontos turísticos em Belém:

- Mosteiro dos Jerónimos;

- Museu da Marinha;

- Museu de arte popular;

- Museu Nacional de arqueologia;

- Museu Nacional dos Coches;

- Planetário Calouste Gulbenkian.

 



publicado por rosa às 14:41 | link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito

Sexta-feira, 27 de Fevereiro de 2009

Já o dizia o senhor Vítor Espadinha nesse grande sucesso da música portuguesa!

E porque também é bom recordar, aqui deixo a melhor forma de pescar ensinada na Rua Sésamo. Isto é que era entretenimento!

 

 

Ahhhhh Peixe, peixe, peixe, peixe, peixe!!!

CHAMASTE?! =D



publicado por rosa às 00:18 | link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito

Quarta-feira, 18 de Fevereiro de 2009

Já entrei pela porta secreta...

 

O que não vale ganhar bilhetes para uma das ante-estreias: correr ontem meia zona da grande Lisboa ao fim de um longo dia de trabalho até às amoreiras. Mas valeu a pena :)

Gostei muito do filme e aconselho, quanto mais não seja pela experiência 3D e porque podem ganhar uns óculos muito na moda (ou reutilizar no Carnaval) :p

 

Agora estou expectante em relação à versão original (com oferta de bilhetes não se pode ter tudo), fico sempre relutante em relação às dobragens, é que algumas coisas não me soaram muito bem como "sua coisa ruim!", talvez fruto da entoação, mas a prestação da Ana Bola e da Maria Rueff como Miss Spink e Miss Forcible e do Nuno Lopes como Mr. Bobinsky estavão muito bem.

 

E o stop motion tão fluído, a pequenez que fez um Mundo grandioso! Que grandiosa equipa para um trabalho five stars neste Coraline!



publicado por rosa às 23:36 | link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Segunda-feira, 16 de Fevereiro de 2009

Continuando na maré dos dias culturais que por aqui se têm vivido, hoje foi dia de dar um pulinho até à Restart já que por lá havia uma conferência sobre o filme mais aguardado desta semana, e não só, sim, estou a falar do Coraline.


Para falarem do primeiro filme em stop motion feito em estereoscopia estiveram presentes o senhor Nuno Markl (que estranho vê-lo ainda quase sem barba!), responsável pela tradução e adaptação da versão portuguesa, um representante da Zon Lusomundo cinemas e o senhor Vergilio Ferreira, responsável pelo campo da estereoscopia 3D na Ibertelco.




E agora o meu apetite para devorar o filme está completamente aguçado!

Não fosse o facto de anos e anos de trabalho o suficiente, como assim o exige qualquer trabalho de longa metragem realizado em stop motion, a construção daquele mundo tão peculiar de fantasia, com os mais pequeníssimos pormenores arquitectados, tudo hand made (para conhecer mais dêem uma espreitadela aqui), as soluções tão criativas e ao mesmo tempo tão simples encontradas para tornar o filme tão natural ao olhar humano, este filme, como se não bastasse, ainda envereda pelo mundo do 3D. Com ele a magia do cinema ganhou uma nova vida, a pirataria que se prepare porque viver experiências deste tipo não se conseguem, ainda, no sofá de casa.

Além disso, levar uma câmarazita para a sala de cinema, sujeita a gravar uma ou outra cadeira fica com o "bónus" adicional de captura de uma marca de água incomodativa para a visão da película (a indústria cinematográfica está cada vez mais a lixar a vida desses gatunos :p). O formato jpeg2000 contribuiu para este twist.


Mal posso esperar para pôr os óculos no cinema e assistir a esta 'belezura' para os olhos. Preparada para entrar pela porta secreta do mundo de Coraline!


Bolas e agora retiro-me porque hoje foi um dia looooooooooooooongo!



publicado por rosa às 23:51 | link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito

Sábado, 14 de Fevereiro de 2009

Se até agora acordar cedo e chegar tarde a casa a cada dia de estágio apenas deixava aproveitar a bela vista de comboio pela linha de Cascais, este fim-de-semana de soleil deu para tirar a barriga de misérias!


Ontem foi dia de bater sola pela cidade das sete colinas. É sempre bom revisitar Lisboa. Desta vez a zona eleita foi a baixa e o Chiado, um pouco dos restauradores e Bairro Alto. 

Foi uma oportunidade de rever locais, descobrir ruas que levam a outras ruas e às mesmas ruas e beber a famosa "Ginjinha sem rival":


Com todo o respeito senhor Manuel, mas na minha humilde opinião, essa ginjinha, é bem boa sim, mas tem uma rival melhor, a docinha ginjinha de Óbidos!


E que dizer de Cascais?

Paisagens de tirar a respiração, fachadas e recantos em cada habitação que saltam à vista, palacetes que eu apelidaria de "palacetões" se a palavra existisse - eu não sei mas só quem desvia 'paletes' de dinheiro é que deve ter casarões assim, ou isso ou faz parte de uma linhagem real.

E oh le mertão calmo, transparente na sua proximidade, criando a ilusão de azul-verde quando nos afastamos.

Pela rua somos rodeados de estrangeiros ou portugueses pipis, e vá de vez em quando sempre se vê um comum mortal, aqui como esta estarrejense.

Pois é, sinto-me uma privilegiada :)


Talvez no futuro aqui saliente mais sobre os pontos mais importantes e fale um pouco da sua história. Hoje falo apenas do parque Marechal Carmona, um belo e grande, grande parque, no qual se encontra o Museu Condes de Castro Guimarães:


Tão bonito e majestos tanto por fora como por dentro.

An? Aquilo é que era viver em grande! Com o pequeno pormenor do senhor conde e condessa terem acesso a uma pequena praia privativa, numa pequena enseada, descendo uma escada da sua própria casa.


A baía é um local pelo qual se deve também passar e pouco mais acima o farol de Santa Marta é mais um belo sítio com vista privilegiada.



P.S.: as imagens foram gentilmente cedidas pela Li. Isto de não termos máquina fotográfica por estas bandas faz com que não vos possa mostrar mais deste recanto magnífico de Portugal.



publicado por rosa às 22:23 | link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito

Quinta-feira, 12 de Fevereiro de 2009

O sol quente faz parecer que o Verão está à porta.

A vista é deslumbrante: enche o olhar e a alma.

O mar, algarvio típico, quase sem ondas, mistura de verde e azul, convida a dar um mergulho. Mas ah... we still in Winter!

A praia é convidativa mal se sai da empresa, pena é que quando se entra está ainda muito frio, quando se sai já está escuro.

 



publicado por rosa às 17:38 | link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito

Domingo, 8 de Fevereiro de 2009

A maioria já sabe da minha tara por músicas dos anos 80. Só aqueles ritmos conseguem manter um NTC ferozmente acordado nas maratonas dos projectos (sim mesmo as consideradas mais pirosas vá).

Pois bem, o facto de os Nouvelle Vague fazerem covers de músicas da mítica década de 80 poderia ser o suficiente para gostar deles, mas há algo mais: as vozes envolventes, os ritmos bossa nova e raggae fazem o resto - não me vou alongar na classificação do estilo musical pois hoje em dia estas são milhentas e não quero ferir susceptibilidades...

 

E que dizer do concerto deste sábado, com lotação esgotada, se não que este foi fenomenal?

Isso mesmo!

E não é por ser na minha cidade, mas aquela sala tem proporcionado espectáculos únicos, em grande parte pelo ambiente intimista que oferece.

 

A princípio estava um pouco desiludida pois estava à espera que a primeira parte fosse de Melanie Pain, também integrante do projecto Nouvelle Vague, como me indicava o meu bilhete, e aparece-me um Gerald Toto, a colaborar também ele com o grupo. Mas qual quê, a minha desconfiança desembocou numa agradável surpresa: presença em palco descontraída e divertida, para além do talento musical, evidentemente, e colocando sempre um sorriso no rosto do público, como com este Chocolate cake with cream and raspberry:


O próprio concerto para além de contar com Gerald Toto na guitarra e voz, contou com a voz feminia de Melanie Pain (a única voz feminina do projecto que esteve presente), Olivier Libaux na guitarra e Mathieu Coupat no teclado.

Foram muitos os momentos altos da noite mas destaco a actuação durante a música Too drunk to fuck, momento de especial interacção entre Melanie Pain e o público, que pôs toda gente a dançar com as provocações da cantora.

 

E agora já me caía outro bilhete na secretária para os ir ver novamente :)



publicado por rosa às 23:23 | link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito

... mas diz que é da rosa
mais sobre mim
Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28


subscrever oficialmente este blog num reader

O blog oficial

↑ Grab this Headline Animator

subscrever oficialmente este blog por email
Subscribe to O blog oficial by Email
Social Bookmarking oficial
Artigos recentes oficiais

O sol e o Inverno passam ...

Constatações I

Tendências do ramo imobil...

Super-heróis do século XX...

Literal versions II

"E recordar é viver..." I...

Literal versions

Bye Michael bye

está próximo...

Ide e... votai!

comentários recentes
Ainda bem que pude ajudar ;)É um destino que vale ...
Andava à procura de dicas para um roteiro a Sintra...
Sim :)mas uma pessoa quer sempre mais...
Pois é...mas apesar de ainda não podermos dar asas...
Pois a vida na ocidental praia lusitana não é defi...
Ai Rosinha como te entendo!!! Independência? até v...
AHAHAHAHAHAHBrutal!
Realmente... eu que nunca brinquei com barbies per...
Ah pois é Rosinha...Aproveitavas e assim já tinhas...
CREEEEDDDOOOO! :P
Arquivo oficial

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Outubro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

tags

todas as tags

links oficiais
Twitter oficial

By TwitterButtons.com
blogs SAPO
subscrever feeds